Seguidores

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Eu falei meu amor...




Mas, como sempre só ouves o que queres, sempre dá tempo pra calar-se e tentar ouvir um som que não seja o da nossa própria voz...
Ainda assim eu insisto meu amor, um dia de cada vez, pra poder conjugar a pluralidade que vive em nos...
Talvez eu seja apenas mais um talvez, tentando ser certeza. Tentando ser para sempre, e parando sempre pela metade.
Caio Fernando de Abreu

Quando a manha chega ao pátio da minha casa entre os ecos dos passos a rua acorda lentamente, ate forma-se um burburinho, depois eu reconheço-me entre o  silêncio que o dia levou, entre as nuvens que o céu desenha, sem olhar pra os ontens inacabados, que fecham-se nas cortinas de fumaça, entre os pirilampos a corrida das borboletas, a transformação vertiginosa das cores guarda-te oh! luz entre os cinzéis, entre os rastros, entre ramos desmaia bem dentro da noite a minha noite sem estrelas maiores brincam as constelações constantes. mesmo no céu, e ainda assim ainda vejo-te, amo-te, vives em mim, brincas nos meus sonhos e sorrias nas lembranças que trazem os ontens tão certos  pra os meus amanhas incertos...
na vida, talvez  eu mesma seja a sua transformação...
talvez esta seja aminha maior loucura, escutar-te, escuto-te ate no avesso que desenhas no chão e neles cinzes teus passos, flutuas nos mosaicos transparentes, enquanto nos labirintos das folhas, o mistério seus velado ainda vive entre os vestígios apagados dos horizontes, eu, eu meu amor, estou aqui, fazendo ainda as mesmas perguntas e no ócio do dia, sobrevivo...
na vida meu amor somos feitos uns para os outros, esta é a grande contradição da vida vivemos entre metades querendo ser inteiros...

na verdade somos metades de muitas metades ao longo da vida, querendo preenche-se de coisas inteiras....
Nina Pilar

"Muita coisa que ontem parecia importante ou significativa amanhã virará pó no filtro da memória. Mas o sorriso (...) ah, esse resistirá a todas as ciladas do tempo."

Caio Fernando de Abreu

36 comentários:

Van disse...

Não acredito em amor metade , só acredito que é amor quando se pode estar por inteiro...os inteiros se complementando de forma inteira fazem um amor vivo , completo.

Grande Beijo e agora sempre aqui ! Obrigada pela visita no Bloguito e pelo comentário lá deixado !

www.meusescritoseoutraspalavras.blogspot.com

Nina Pilar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nina Pilar disse...

de nada van,

o amor não é metade, nós sim sempre somos, por mais que queramos ser inteiros, sempre somos metade de alguma coisa, volte sempre querida...

beijo grande pra ti querida

Meire disse...

Nina, muito obrigada pelas palavras de carinho :)
Algumas vezes não só ouvimos o que queremos como enxergamos o que queremos e isso é um perigo, porque ficamos tentando tampar algo que está bem a nossa frente.
E que venha sempre pessoas inteiras para junto do seu coração!!!

bjokitas com mega carinho meu.

Cleber D. Gräuth disse...

Sempre bom ler o Caio e vc. Abraço

Nina Pilar disse...

que seja pra todos nos amiga, a vida é assim, e assim vamos vendo a vida passando em buscas das nossas respostas e desejos. que a saciedade venha, que nossos desejos não sejam nunca interrompidos, pra que possamos prosseguir nas nossas buscas, e nossos encontros em uma bela e sorridente estrada.
Uma bela noite Meire, lindos sonhos pra ti querida...
beijinhos meire, e uma linda noite pra ti minha linda...

Nina Pilar disse...

que seja pra todos nos amiga, a vida é assim, e assim vamos vendo a vida passando em buscas das nossas respostas e desejos. que a saciedade venha, que nossos desejos não sejam nunca interrompidos, pra que possamos prosseguir nas nossas buscas, e nossos encontros em uma bela e sorridente estrada.
Uma bela noite Meire, lindos sonhos pra ti querida...
beijinhos meire, e uma linda noite pra ti minha linda...

Nina Pilar disse...

cleber obrigada querido, é sempre bom encontrá-lo, tenha uma linda madrugada e uma linda sexta.

beijinhos

Evanir disse...

Meu Anjo..
Agora, neste momento,
onde quer que esteja,
sinta o coração tranqüilo,
a alma leve, a mente junto da luz.
Sinta neste momento, o ar que te rodeia,
a vida que pulsa perfeita em você.
Não se descuide nunca!!!!
Dê sempre a você, o melhor...
aceitando a transformação dos tempos,
aprendendo que a cada dia,
muito está reservado para a você.
Então, seja feliz agora..
Seus lindos Sonhos realizados.
Um final de semana lindo e abençoado.
Bjs,,Evanir,,

Vera Lúcia disse...

Olá Nina,
Na verdade, nunca estamos totalmente inteiros em uma relação e, assim, deixamos de viver um amor com o grau de cumplicidade ideal.
Beijos, querida.

Catia Bosso disse...

As frestas ficadas em nossos amores são vãos que se curvam diante dos erros de outrora.. (gostei tanto da minha inspiração que vou postar la no meu ninho...rsrsrs)

Mas gostei do seu post viu!!!

bjs meus

Loivarice disse...

Bom dia Nina, lindo... na verdade essa busca da complemenação é que nos move,amor verdadeiro, é tudo o que queremos, tenha um lindo final de semana... bjs

Lena disse...

Nina
"na vida meu amor somos feitos uns para os outros, esta é a grande contradição da vida vivemos entre metades querendo ser inteiros..."
Para uns , essa é uma verdade. Para outros, não. Eu me encaixo no primeiro grupo, somos inteiros na nossa indivudualidade, mas na simbiose do amor, temos que ser metades que nos completamos. Lindo, Nina, Estava com saudades de você. Moramos na mesma cidade e mesmo assim só nos encontramos virtualmente.
Adorei a frase final do Caio, ele é realmente fantástico!!!!!
Bjkas com carinho e uma ótima semana pra você!!!!

Vivian disse...

"na verdade somos metades de muitas metades ao longo da vida, querendo preenche-se de coisas inteiras...."

isso é uma das coisas
mais lindas e verdadeiras
que já lí neste imenso
canteiro de blogs.

que linda és!

bjokas, coração!

Bento Sales disse...

Nina, realmente o amor é o catalisador que está numa parte que procura outra para se completarem, porém, às vezes, essas partes não formam um inteiro, mas uma simples soma das partes.

Parabéns pelo poema em prosa e pelo talento!
Está magnífico!

Quero lhe agradecer pela visita, comentário inteligente e solidário no meu espaço.

Abraço do novo amigo!

Amor feito Poesia disse...

Dai-me algumas palavras,
- porém, somente algumas! –
que às vezes apetece,
pelos jardins da areia,
colher flores de espuma.


Cecília Meireles

Beijos e meu carinho....M@ria

Wanderley Elian Lima disse...

Oi Nina
Adoro as citações de Caio Fernando. Amor ou é todo , ou é nada.
Obrigado pela visita
Bjux

Bell disse...

Nina

uma grande bjoka no seu coração =)

Aline disse...

Caio sabia das coisas.

SIMONE PRADO disse...

Tantas coisas se passam, se tornam até sem sentido, tanto pensamento ao longo do tempo. Muito bom o texto, venha visitar-me. Bjim.

Vera Lúcia disse...

Olá Nina querida,
Estou passando para lhe desejar um final de semana iluminado.
Beijos.

Bianca Morais disse...

Texto perfeito!
O amor é na maioria das vezes incompreensivo... e complicado!

Obrigada pela visitinha lá no meu blog, e um ótimo final de semana pra ti! ;*

Maggie May disse...

metades tem que se complementarem!

Luiza França disse...

"Metades de outras metades querendo ser coisa inteira"

Nina, espetacular!

Inspiradissíma!

Bjs Flor

margoh werneck disse...

saudades!


beijo

Borboleteando disse...

Oii!!
Passando para lhe deixar o meu carinho...
Tem um lindo presente pra você em meu blog.
Beijos, linda tarde

Keila M. – Borboleteando
http://simplesmenteborboleteando.blogspot.com/

CUCA BOA disse...

bateu saudades Nina...
olha eu aqui lendo vc!

smack
(nate)

Dulce Cautiva disse...

Hola guapa!, paso a saludarte y decirte k ya puedes leerte el nuevo capítulo de Esclavos De Las Sombras:

http://esclavosdelassombras.blogspot.com/2011/09/capitulo-10-parte-1.html

Espero k t guste y dejes un comentario con tu opinión. Gracias!!!

Saludos!!

Dulce Cautiva disse...

¡Hola guapa!, ¡Ya puedes leerte la segunda parte del capítulo 10 de Esclavos De Las Sombras!, ¿vas a ser la última en leértelo?. Saludos y bs!!!

Fanzine Episódio Cultural disse...

A ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS comunica que estão abertas as
inscrições para o VIII Concurso Plínio Motta de Poesias, do ano 2011.

O concurso contemplará duas categorias:

CATEGORIA I (até 16 anos)
1° Prêmio: R$ 300,00
2° Prêmio: R$ 200,00
3° Prêmio: R$ 150,00
Melhor intérprete: R$ 150,00

****
CATEGORIA II (a partir de 17 anos)
1° Prêmio: R$ 500,00
2° Prêmio: R$ 300,00
3° Prêmio: R$ 200,00
Melhor intérprete: R$ 200,00

PREMIAÇÃO:
Dia 17 de novembro de 2011, em noite solene, na Biblioteca Municipal

INSCRIÇÕES:
Prazo: até 21 de outubro de 2011-09-11
Valor: R$ 2,00 (dois reais)

INFORMAÇÕES e REGULAMENTO
Biblioteca Municipal Prof. Gentil Vieira da Silva
Ruas Major Feliciano, 990 – centro – Machado-MG ( CEP: 37750-000 )
(35) 3295-6099
E-mail: machadocultural@gmail.com

Marly Bastos disse...

lindo seu texto, cheio de reflexões tão necessárias..."na verdade somos metades de muitas metades ao longo da vida, querendo preenche-se de coisas inteiras...."
Beijokas doces

Fernando Gonçalves disse...

Olá, parabéns pelo seu blog.
Te convido a conhecer o meu,
http://carmasepalavras.blogspot.com/

CLEMENTE GERMANO MULLER disse...

Estivemos juntos por mais um ano, para minha alegria, no blog, no facebook, no orkut, no e-mail, não importa, eu agradeço.

Há de ser o Natal um grande momento de paz. Há de ser o Ano Novo um tempo de amor.

Que a paz, o amor e a harmonia permaneçam em seus corações e seus lares.

Quando em minhas preces, agradeço por vocês existirem na minha vida, enxergo minha pessoa, tão frágil, tão “comum”, tão indignada com as coisas do mundo e me pergunto,como cheguei a vocês?

Sem planejar, até mesmo sem perceber, aumentou minha família.

Escuto um eco enorme à minha pequena voz... vocês apareceram na minha telinha, tão natural, tão espontâneo!

Chego a pensar que sempre foi assim. É assim!!!

Percebo ainda, que falamos em

Anas, Josés, Cecílias, Beths, Carminhas, Marias essa e aquela, Edisons, Eloys, Fátimas, Veras e tantos outros, como pessoas de minha maior convivência, na mesa do jantar, ou mesmo almoço.

Quero desejar agora;

Da minha família para a sua família, um FELIZ NATAL.

FELIZ ANO NOVO.

Que a paz do Natal se multiplique no ano que se inicia.

Obrigada por fazerem parte da minha vida.

DEUS os abençoe.

FIQUEM COM DEUS.

poetaeusou . . . disse...

Gostei do teu post !
,
o meu regresso
tem asas da boa vaga
esquecendo a onda amarga
tão triste no seu quebrar,
porém é belo o seu trovar
ecos fortes e salgados
de Paz, meus votos sagrados,
que aqui deixo, bem expresso !
,
conchinhas, muitas, para ti !
*

wanessinha disse...

OIE VIM TE FAZER UMA VISITINHA
E GOSTEI MUITO...E POR AQUI RESOLVI FICAR...AGORA TE CONVIDO A CONHECER MEU CANTINHO SE GOSTAR FIQUE A VONTADE PRA SEGUIR...XAAUZINHO BJSS
http://segredosdeumamulherapaixonada.blogspot.com.br/

saindodalama disse...

Oi tudo bem? estou te seguindo, segue eu de volta? Vamos fazer uma parceria?